fbpx

Gatilho mental: dicas de uso na comunicação digital

Gatilho mental: dicas de uso na comunicação digital

2020-12-28T19:36:57+00:00

Certamente você já ouviu ou já leu a expressão gatilho mental. Mas você sabe realmente do que se trata? O nome já sugere algo que tem ação direta no cérebro, e saber aplicá-lo de maneira correta nos meios digitais pode atrair mais clientes para sua marca.

O que é gatilho mental?

Podemos dizer que o gatilho mental é um conjunto de técnicas obtidas por meio de estudos e experimentações, capazes de acionar o “piloto automático” de quem o recebe. São estímulos que quando o cérebro humano recebe, ele tende a realizar uma ação que, na maioria das vezes, é realizada de forma imediata, nem precisa pensar a respeito.

Os gatilhos são como diretrizes que nos ajudam a não precisar refletir sobre cada tomada de decisão. Ou seja, a decisão de compra, aprovação e/ou identificação com sua marca pode ser tomada assim que o cliente receber sua mensagem. Claro, desde que você saiba usar o gatilho mental correto.

Quais são os tipos de gatilhos?

Podemos dizer que é possível encontrar um gatilho mental adequado para cada situação. Abaixo vamos citar alguns exemplos para explicar sua importância na comunicação digital.

Escassez

É certo que as pessoas não gostam de “ficar para trás” e ou perder uma grande oportunidade.  E é nessa hora que o gatilho mental de escassez se faz necessário. Independente da sua área de atuação, seu cliente não vai querer perder uma vaga, um produto e/ou um desconto. Se você nunca usou esse gatilho, certamente vai querer testar. Os exemplos clássicos são:  “vagas limitadas”, “desconto de x% para os primeiros”, “últimas peças”, etc. 

Urgência

Muito parecido com o gatilho da escassez, porém, aqui, estamos trabalhando não com quantidade e, sim, com o tempo. Da mesma forma, as pessoas não vão querer perder uma boa oportunidade e, por isso, irão tomar a decisão bem rápido. Ex: “Por tempo limitado”,  “Promoção válida até x data”.

Autoridade

Quem é referência em tubos e conexões? Se respondeu “Tigre” é porque certamente já foi impactado pelo gatilho mental das suas campanhas que afirmam ser a marca autoridade no assunto. Destacar o produto como líder no mercado, ou especialista, vai despertar uma confiança no consumidor que o fará tomar a decisão de compra pela certeza que está comprando com quem realmente entende do assunto.

Prova Social

Esse gatilho mental funciona muito bem nas redes sociais. É a comprovação social da qualidade do produto e dos serviços feita por outros clientes. As pessoas são influenciadas por indicações. Ao ser marcada por um usuário ou receber um depoimento, a marca deve repassar o feedback positivo para frente.  

Dor e prazer

Esse gatilho desperta no cliente um problema (dor), mas de imediato apresenta a solução (prazer). Ele é muito eficiente quando envolve questões emotivas e objetivos, porque o ser humano sempre guia suas ações para evitar a dor e alcançar o sucesso. Sendo muito usado, por exemplo, por empresas do ramo imobiliário ou financeiro. Ex: “Já imaginou viver em um local seguro?” , “ O que poderia fazer se suas finanças rendem mais?”. 

Ainda tem dúvida sobre o gatilho mental e como aplicá-lo de forma correta na sua comunicação digital?  Estamos aqui para te ajudar. É só nos chamar!

Siga as redes sociais da Othila MKT: InstagramFacebookLinkedin

Leave A Comment